4 de set de 2011

E ficamos enamorados III

O ser humano natural é o ser humano consciente, desperto (iluminado).
Ser desperto (iluminado) é ser tão natural quanto os animais, as árvores e as estrelas, é não ter imposição sobre si mesmo, é não ter idéia de como se deveria ser.
O natural não precisa ser alcançado, ele já está presente e nunca foi diferente.
Para estar nesse estado – natural - simplesmente abandone essa mente conquistadora.
Você deve relaxar na consciência. Ela está disponível, desde o princípio ela está disponível, relaxe nela.
Uma pessoa consciente não é alguém que alcançou o degrau mais alto da escada.
As pessoas são subidoras de escadas;
Perceba que você precisa de uma escada, e ela pode estar no mundão ou no mosteiro, não faz diferença, mas você precisa de uma escada.
Onde quer que você possa encontrar um lugar, você simplesmente fixa a sua escada e começa a subir.
E ninguém pergunta: “Aonde você está indo? Aonde esta escada vai levá-lo?” Mas após um degrau há um outro, e você fica curioso: “Talvez algo esteja ali”, então você sobe mais um degrau e um outro degrau está esperando por você e você fica curioso e começa a se mover...
É assim que as pessoas se movem no mundo do dinheiro e da política. E não basta apenas se mover, você também deve empurrar os outros, pois muitas pessoas estão subindo pela mesma escada.
Você tem que puxar suas pernas e arranjar um lugar e um espaço para você; você tem de ser agressivo e violento. E quando há tanta violência e tantas pessoas brigando quem se importa aonde está indo?
Quando tantas pessoas estão interessadas, devem estar indo a algum lugar.
E se você refletir demais perderá a corrida. Então, não há tempo para pensar a respeito dela nem se perguntar: “Qual o sentido disso tudo?” Pensadores são perdedores.
Então, a pessoa não deve pensar e sim apenas correr e continuar correndo.
E a escada não tem fim – degrau após degrau...
A mente pode continuar a projetar novos degraus.
E quando você muda para um mosteiro isso continua. Agora existe uma hierarquia espiritual e você começa a se mover na hierarquia.
Você fica muito sério e recomeça a competitividade...
Esse é apenas um jogo do ego, e o ego pode fazer o seu jogo apenas no artificial. Sempre que você encontrar uma escada, tome cuidado – você está na mesma armadilha.
A iluminação, o despertar espiritual não é o último degrau de uma escada; o despertar é descer da escada, para sempre, e nunca mais pedir por nenhuma escada, tornando-se natural.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é importante para mim. Deixe sua mensagem.