24 de jul de 2011

Tudo mentiras e absurdos IV

Procure prestar atenção a essa afirmação revolucionária: “A mente ao permanecer como nasceu – sem qualquer oração – ela se torna um Buda (um ser desperto)”
Se a mente permanece apenas um espelho e não reflete nada, não é condicionada por nada e não tem conteúdo...
A mente sem conteúdo é a única realidade de que podemos estar certos.
É por isso que as pessoas do Zen dizem: “Investigue a mente original”.
“Mente original” significa quando não havia impacto de coisa alguma na mente; antes de começar o condicionamento, antes de ser-lhe dito quem você é, antes de você ser ensinado, antes de você aprender, antes de sua mente começar a coletar conteúdos.
Vá fundo neste primeiro momento quando não havia conteúdo, mas somente o recipiente, apenas o espelho refletindo nada – isso é real. A testemunha é real.
Nesse estado não há necessidade de orar ou fazer qualquer coisa; não é necessária nenhuma metodologia ou técnica.
Apenas vá fundo e perceba a mente original, a mente sem conteúdo, o espelho sem poeira, a mente sem pensamentos, sem nuvens – e você chegou; você é um ser desperto – um Buda!
A diferença entre nós e um Buda – um ser desperto - é somente essa; nós temos mais do que Buda.
Buda tem menos do que a gente, pois ele é apenas uma mente pura e nós somos mil e uma coisas acrescentadas a esta pureza.
Assim, lembre-se: Buda é mais pobre que todos nós. Ele deixou de ter e perdeu muitas coisas: infelicidade, falta de sentido, frustração, raiva, paixão, ganância... e muitas coisas que podemos enumerar.
Nós realmente somos ricos.
Quando Buda atingiu a Iluminação alguém o perguntou: “O que você obteve com isso?”
Ele riu e disse: “Eu não obtive, eu perdi muito. Sou muito mais pobre do que costumava ser. Perdi toda ignorância, todas as ilusões e todos os sonhos. Agora sou apenas minha originalidade”.
Então, nesse momento, dissolva a mente que pensa, a mente gananciosa, a mente ambiciosa, a mente sonhadora...
E volte as suas raízes mais profundas, volte ao útero e simplesmente seja!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é importante para mim. Deixe sua mensagem.