30 de out de 2010

Barulho



Observe os ruídos à sua volta...
Agora observe a sua mente, toda sua inquietação...
E perceba que o mundo está cheio de barulho porque está cheio de mentes insanas...
O mundo só poderá ser realmente silencioso quando houver muitos, muitos meditadores.
Estamos vivendo em meio ao barulho e todo mundo está com pressa.
Há muita pressa, todos correm.
Ninguém sabe para onde, ninguém sabe por quê – é só uma profunda inquietude.
Todo mundo está indo a toda velocidade, mas quem se importa?
Quem tem tempo para pensar onde está indo?
Qdo vc vê o mundo todo correndo, começa a correr também.
Perceba que o indivíduo nunca está em lugar algum por um único momento.
Ele não pode ver a beleza das árvores porque não pode se sentar sob elas...
Não pode ver a beleza das estrelas, não pode ver a beleza das pessoas...
Sua mente está sempre à frente, planejando como chegar lá.
Tal individuo perdeu toda a capacidade de aproveitar o aqui e agora.
Seu único prazer é planejar, fazer planos para aproveitar.
E essas mesmas pessoas dizem coisas bonitas, como: Tempo é dinheiro, por isso economize tempo.
E ficam sempre olhando para o relógio – como se estivessem perdendo alguma coisa.
Mas olhe para a fisionomia dessas pessoas – estão sempre entediadas.
Façam o que fizerem, ficam entediadas.
Claro, porque não estão fazendo com o coração.
Estão de alguma forma tentando terminar algo para ganhar tempo, matar tempo, ganhar tempo...
E assim a vida passa...
Mas lembre-se que vc vem ao mundo de mãos vazias e dele sairá do mesmo jeito – de mãos vazias...
Então aprenda a olhar para as pessoas, aprenda a ouvir as pessoas, seus filhos... Observe as árvores, as estrelas, os pássaros... O silêncio...
Relaxe e descanse um pouco...

Um comentário:

  1. Essa reflexão é muito importante, aliás é o que se tem de mais importante, a própria vida. Obrigado, um abraço.

    ResponderExcluir

Sua opinião é importante para mim. Deixe sua mensagem.